Empresas Prix Tech de Luzerna e Razonet estão entre empresas escolhidas para capacitação Startup SC

Elas estão participando com mais oito empresas das regiões Oeste e Extremo Oeste da 11ª turma do Programa de Capacitação Startup SC em 2021.

Durante todo o processo as empresas Prix Tech e Razont participarão de mentorias sobre diversos temas, como pitch, marketing digital, gestão financeira e de pessoas, todas ministradas por especialistas do mercado. As capacitações que estão sendo realizadas em Chapecó, iniciaram no mês de abril e prosseguem até 27 de novembro de 2021.

“Para nós da Prix Tech é um orgulho desenvolver uma plataforma na área da saúde pública, como o prixNeuron, que auxilia o poder público no fornecimento de informações em tempo real para gestão e tomadas de decisão sobre a saúde pública e com ela levar o nome da região, da Incubadora Tecnológica Luzerna e do Polo Inovale para um programa da importância do Programa de Capacitação do Startup SC”, comemora Felippe Petry, diretor executivo da Prix Tech.

Para a Luana Menegat, CEO da Razonet, ser selecionada dentre 50 empresas em Santa Catarina para receber as mentorias do Startup SC, é uma grande honra. O programa traz grandes nomes e temas relevantes para o dia a dia de uma empresa. “Nós sabemos que o dia a dia do empreendedor é desafiador e solitário e nessa hora, poder contar com essas mentorias incríveis faz toda a diferença. É um “MBA” com grandes nomes, que entrega conteúdo de qualidade, aplicável, gratuito e que no final ainda pode resultar em fundo de investimento. É uma oportunidade única”!

Luana destacou que ser selecionada é uma resposta positiva, mostra que estão em um bom caminho. “ Nossa empesa já existe e está sendo validada pelo mercado, essa seleção é, para nós, como um prêmio, um reconhecimento, uma indicação de que aquilo que a gente entrega tem valor. É gratificante, é uma honra, traz orgulho e muita vontade de fazer mais. Muito mais e ir além”.

Para a gerente regional do Sebrae Meio-Oeste Sueli Bernardi “ter duas empresas da região classificadas representa, a força do nosso ecossistema de inovação e o empreendedorismo inovador. Parabéns Luana e Felippe e as suas respectivas equipes”.

Esta edição conta com um edital no valor total de R$ 1,25 milhão, em parceria com a FAPESC, para acelerar as 25 empresas com melhor desempenho, entre as participantes do projeto. “O Startup SC é um programa maduro e com essa articulação, a Fapesc objetiva fomentar novos negócios e gerar inovação dentro do ecossistema estadual, incentivando novos participantes e criando condições de crescimento para os projetos maduros. Queremos atrair talentos e gerar riqueza, desenvolvimento e oportunidades”, salienta o presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen.

Segundo divulgação do programa, a 11º edição teve um recorde de inscrições: 441 startups de 50 cidades catarinenses. Devido à procura expressiva e o alto grau de maturidade das startups interessadas no Programa, o Sebrae em parceria com a Associação Catarinense de Empresas de Tecnologia (ACATE) lançarão um programa inédito para 200 empresas, com potencial escalável e inovador, que se candidataram, mas não estão entre as 50 primeiras colocadas.

 

O Programa de Capacitação do Startup SC

O Programa de Capacitação do Startup SC teve início em 2013 e, desde então, já impactou 270 empresas, de 28 municípios de Santa Catarina. Os mantenedores do Projeto Startup SC são: AMBEV, FEPESC, Bossanova, a55, Nuvini, 49 Educação, Invisto, Central Ailos, Associação Empresarial de Florianópolis (ACIF), Silvana Santana & Teston Advogados, DOT e a Questum. Contam ainda com o apoio da ACATE, Abstartups, Beta-I, Ágora Tech Park, Chapecó@, Blusoft e do Centro de Inovação de Blumenau.